Av. Antonio Segre, 295, 1º andar, Ed. Liberal Center, sala 14. Jundiaí/SP
contato@humanativa.com.br

Autoconsciência: qual o seu nível de segurança?

Indicado para líderes e pessoas que estão em busca de desenvolvimento pessoal e profissional.
17 abr 2016

Autoconsciência: qual o seu nível de segurança?

Publicado originalmente no LinkedIn Pulse.

Pessoas seguras, que sabem claramente o que não querem, que são capazes de decidir sobre situações simples e difíceis demonstram autoconfiança e tranquilidade ao fazer tudo isso.

Geralmente são pessoas que compreenderam que ser consciente sobre seu modo de agir, pensar e sentir é algo muito precioso.

A autoconsciência é uma habilidade e componente fundamental para a inteligência emocional, segundo o professor Daniel Goleman. “Significa uma compreensão profunda das próprias emoções , forças, fraquezas, necessidades e impulsos.”

Por ser habilidade, a autoconsciência pode ser aprendida. Assim como existe a aprendizagem emocional.

Observe algumas características apontadas pelo professor Goleman sobre o comportamento e atitudes de pessoas com um bom nível de autoconsciência:

– Não são nem críticas demais nem irrealisticamente esperançosas;

– Sabem que não conseguem bons resultados sob prazos apertados;

– Conseguem trabalhar com pessoas exigentes (clientes internos ou externos);

– Voltam sua raiva para algo construtivo;

– Compreendem que as pessoas tem seus próprios princípios, valores e metas;

– Sabe para onde está indo. E por quê.

Estar autoconsciente é conseguir perceber o que sente quando pensa sobre alguma situação.  É conseguir exprimir sua emoção sem medo ou culpa, até porque ao falarmos como estamos nos sentindo explicitamos ao outro o momento de agir ou de parar.

Mais do que isso, a autoconsciência nos mostra o momento exato de pedir ajuda sem que isso seja algo constrangedor ou humilhante.

Ao sabermos nossos próprios limites lidamos melhor com as frustrações que tanto amedrontam e fazem pessoas não agirem como pensam ou deveriam.

Autoconsciência está relacionada à inteligência emocional, autoconhecimento, assertividade, empatia. Todas competências emocionais que modulam o comportamento e o dia a dia de todos nós.

Em pós-escritos o professor Goleman lança algumas questões para que você possa refletir sobre seu nível de autoconsciência e autogestão. Experimente algumas e perceba você mesmo o seu nível de autoconsciência:

  • Você está consciente de suas limitações, bem como de suas forças pessoais, como líder?
  • Você consegue lidar bem com suas emoções negativas – por exemplo, recuperar-se rapidamente quando fica contrariado ou tenso?
  • Você consegue se adaptar facilmente a realidades de mudança?
  • Você normalmente consegue perceber os sentimentos das pessoas com quem interage e entender suas formas de ver as coisas?

 

Aprenda todos os dias. Busque soluções que cabem no seu tempo, no seu limite, na sua personalidade, mas busque aperfeiçoamento.

Ninguém pode estar consciente por você.